Olha para o Lado

Hoje de manhã eu estava em um daquelas momentos em que a gente passa um tempão olhando para a tela do computador e não sabe o que escrever. Normal? Nem tanto.

Tudo começou quando eu ia fazer o post que eu já tinha planejado a uns dois dias. Mas parece que não tava funcionando sabe? Parece que as palavras não de encaixavam, que eu não tava fazendo direito. Que saco! Odeio isso. Então eu apaguei tudo o que tinha escrito e recomecei, mas agora com outro tema. Também não funcionou e eu fiquei emperrada na frente da tela em branco do computador. Normal? Nem tanto.

Imagem

Quando olhei o relógio me lembrei que hoje eu tinha marcado de sair para o shopping, e eu já devia estar arrumada com o post pronto. Que droga, eu não tinha um post pronto.  Mas tudo bem, mesmo assim eu coloquei minhas botas, peguei a bolsa e sai.

Confesso que no início do passeio eu só pensava em voltar para casa e ficar o resto do dia tentando ter alguma ideia. Isso só parou quando eu resolvi fazer uma loucura: olhar para o lado. Sim, estava em uma loja e olhei para o lado. Vi um cabide de roupa customizado; ele era rosa escuro de veludo.  Daí eu pensei: ”OOOOWT que fofinho! Eu gostei tanto dele quanto aquela blusa básica com aqueles spikes, ou tanto quanto aquele short com tachinhas. Oops, peraí, tachinhas, spikes, veludo… Caramba isso daria um ótimo post de customização.”

E essas ideias continuaram pela minha cabeça, nunca pensei que a parede azul com flores rosas de uma loja pudesse me dar a inspiração de um quarto vintage e de muitas outras decorações; ou que a blusa de poás que a Avril Lavigne usou na capa do seu CD ”The Best Damn Thing” pudesse me lembrar que as pin-ups também gostavam dessa estampa de bolinhas nos seus vestidos.

Imagem

Acho que as vezes nós temos que fazer o esforcinho de parar de pensar tanto e aproveitar o momento. Sabe, porque ao invés de ficar quebrando a cabeça para ter alguma ideia, devemos deixar a vida nós dar uma ideia. Não falo isso só para blogueiros e blogueiras sem inspirações, falo para você que não sabe que presente vai dar, que não entende porque não acha a decoração perfeita para o seu quarto, que não consegue resolver o problema de matemática…

Quando pintar aquela tela branca na sua vida, olha para o lado, que vai dar tudo certo.

PS: queria agradecer a companhia de hoje do shopping, vocês não sabem o quanto sua presença e seus risos me inspiraram.

  • Beijos e corujas,

       Ana t.